Entenda a hierarquia de cores entre capacetes na construção

«Voltar
9 de janeiro de 2019 - Comentários

iStock / Getty Images Plus / chaiyapruek2520 A hierarquia de cores dos capacetes da construção civil ajudam os trabalhadores a identificar as posições de cada profissional.

O uso de capacetes na construção civil é obrigatório e trata-se de um dos Equipamento de Proteção Individual (EPIs) essenciais para garantir a segurança desses profissionais. De acordo com a legislação vigente, todos os dispositivos de proteção individual devem ser fornecidos pelas empresas em bom estado de uso, enquanto os funcionários são responsáveis pela correta utilização dos EPIs durante a realização de atividades que representem riscos à sua integridade física ou à sua saúde.

O setor da construção civil destaca-se entre as 10 profissões que mais oferecem riscos ao trabalhador, já que envolve o manuseio de equipamentos e estruturas pesadas, trabalho em altura e trato com redes de alta tensão. Sendo assim, o trabalho de construção deve estar sempre cercado de cuidados.

De acordo com a Previdência Social, o Brasil tem registrado uma diminuição progressiva das mortes de trabalhadores da construção civil. Foram 62 mil óbitos em 2013, contra 41 mil em 2015. A maior parte das vítimas, em torno de 96%, eram homens com pouco tempo na função, de baixa escolaridade e jovens, entre 21 e 30 anos. São dados que mostram claramente a necessidade de investir em treinamento e nos equipamentos de proteção individual.

Uso de capacetes na construção civil

O uso dos capacetes de proteção na construção civil é previsto pela Norma Regulamentadora de número 6 (NR 6), e é obrigatório. A exigência do uso desse tipo de equipamento está relacionada aos riscos aos quais esses trabalhadores estão expostos, como descargas elétricas, quedas de andaimes, quedas de ferramentas e outros materiais, entre outros riscos de acidentes.

O capacete protege a cabeça dos trabalhadores contra impactos. No entanto, há equipamentos específicos para cada tipo de trabalho. Essa diferenciação está presente nas cores de capacetes na construção civil, que indica função e hierarquia.

Hierarquia de cores dos capacetes na construção civil

As cores de capacetes na construção civil ajudam os trabalhadores a identificar quais são os profissionais encarregados das diversas funções, assim como aqueles que ocupam posições de comando. Daí a ideia da hierarquia dos capacetes na construção civil.

Capacete branco ou cinza

São as cores de capacetes utilizadas por engenheiros, técnicos, estagiários, mestres de obra e encarregados.

Capacete azul

Dentro da hierarquia dos capacetes na construção civil, o azul é aquele utilizado pelo pedreiro de obras.

Capacete marrom

O capacete marrom é utilizado por carpinteiros.

Capacete laranja

Os capacetes laranjas indicam que o usuário é um eletricista.

Capacete preto

O capacete preto é aquele utilizado pelo operador de máquinas.

Capacete vermelho

Os capacetes vermelhos são utilizados pelos bombeiros.

Capacete amarelo

Existe ainda o capacete amarelo, que não faz parte da hierarquia dos capacetes na construção civil, sendo este último utilizado pelos visitantes da obra.

Dica final: ainda que a hierarquização das cores descrita acima seja a mais comum, não se trata de um padrão que esteja estabelecido em lei. Isso significa que as empresas de construção podem adotar critérios diferentes de distribuição das cores pela hierarquia e pelas funções.

O importante é que os capacetes sejam usados pelos trabalhadores e que haja a diferenciação de cores, tornando mais fácil que se identifique cada um dentro da rotina da construção.