Tabela de cores para sinalização de segurança do trabalho

A segurança do trabalho é uma ciência que atua na prevenção de acidentes e problemas de saúde associados a riscos ocupacionais. Esse cuidado geralmente é realizado por meio de uma abordagem multidisciplinar que envolve treinamento dos funcionários, inspeções regulares e implantação de medidas de segurança específicas.

flickr.com / widdowquinn Tabela define quais cores devem ser usadas para delimitar áreas, advertir sobre perigos, sinalizar equipamentos de segurança e apontar objetos perigosos.

Uma dessas medidas é a adoção de cores para indicar e advertir sobre os riscos existentes no ambiente de trabalho. Instaurada pela Norma Regulamentadora nº 26, a tabela de cores para sinalização de segurança define as cores que devem ser usadas para delimitar áreas, advertir sobre perigos, sinalizar equipamentos de segurança, apontar objetos perigosos, entre outros.

As cores adotadas para a sinalização de segurança são as seguintes:

vermelho: utilizada para distinguir ou indicar equipamentos e aparelhos de proteção e combate a incêndio, como caixas de alarme de incêndio, hidrantes, sirenes, caixas com cobertores para abafar chamar/

amarelo: identifica gases não liquefeitos e é empregado para sinalizar “Cuidado!” em corrimões, parapeitos, pisos e outros obstáculos que apresentam risco;

branco: geralmente aplicado na forma de faixas, sinalizando passarelas e corredores de circulação, delimitando bebedouros e coletores de resíduos, zonas de segurança e áreas de segurança;

preto: usada para identificar canalização de inflamáveis e combustíveis de alta viscosidade;

azul: indica “Cuidado!” para uso e movimentação de equipamentos que devem ficar fora de serviço, como fontes de potência, canalizações de ar comprimido e dispositivos em manutenção;

verde: caracteriza segurança. Deve ser utilizado para identificar macas, chuveiros de segurança, caixas de dispositivos de segurança e primeiros socorros, mangueiras de oxigênio, entre outros;

laranja: indica canalizações contendo ácidos, partes móveis de máquinas, faces externas de polias e engrenagens, dispositivos de corte, prensas e outros dispositivos potencialmente perigosos;

púrpura: usado para indicar perigos provenientes de radiações eletromagnéticas;

lilás: aponta canalizações que contenham álcalis e lubrificantes;

cinza: indica canalizações em vácuo (geralmente cinza claro) e eletrodutos (cinza escuro);

alumínio: utilizado em canalizações contendo gases liquefeitos, inflamáveis e combustíveis de baixa viscosidade;

marrom: a critério da empresa, pode ser adotado para identificar qualquer fluido ou produto que não se encaixa nas demais cores.